quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Metades

Metade cheio, metade vazio. 
Metade poema, metade poesia. 
Metade conto, metade verso. 
Metade crônica, metade prosa. 
Metade gramática, metade literatura  
Metade homem, metade menino. 
Tudo o que vejo é só metade, 
Tudo o que sinto é por inteiro. 
Aonde chego é só o fim, 
E nem sempre justifica os meios. 
Entre tantas metades e inteiros, 
Eu não reconheço mais o rosto que vejo no espelho.

3 comentários:

  1. "Porque metade de mim é amor, e a outra metade também. "

    ResponderExcluir
  2. Lord sempre mostrando a que veio. *-*

    ResponderExcluir